Bem-vinda Tristeza.

Olá Tristeza,

Obrigada por vires mais uma vez.

Entristecer a minha vida desta maneira.

Sabes, eu não tinha saudades tuas! Lembrava-me sempre de ti todos os dias, mas não era preciso de voltares! Agora que vieste todas as pessoas dão-me tristeza, em vez de alegria. É a minha mãe, ou meu pai, ao mesmo tempo!! Como é possível? As minhas próprias mãos já tremem com tanta tristeza, os meus olhos sempre quase semi-fechados com olheiras das noites mal dormidas, nem com base dá para disfarçar, só fico pior. Cada batida que o meu coração dá, é uma dor, e os meus ouvidos parece que ouvem a tua voz, sim! A tua voz, a voz da tristeza. Não é nada bonita, devo dizer. E só uma pessoa é consegue dar-me um sorriso na cara no meio desta tanta tristeza. Apesar da minha liberdade não ser grande, e de algumas pessoas não terem confiança em mim, às vezes consigo falar com essa pessoa.

 

Sim, os meus pais é que me põe assim, mais os problemas que surgiram nestas semanas, fiquei de mal a pior.

Com tanta tristeza, caíram-me lágrimas, sentia-as quentes escorrendo pela minha cara. Limpei rapidamente e disse para mim:

-"Vou conseguir ultrapassar isto." 

 

 

 

publicado por Inêsquecível às 18:23 | comentar