Sobre pressão nas compras

Para quem não sabe, os saldos começaram no dia 15 de Julho (Sexta-feira), e entretanto fui aproveitar os saldos. Já tinha reparado algum tempo que não consigo escolher bem as peças de roupa para mim. A cor, o feitio, o tamanho, se me fica bem ou não, dá-me cabo da cabeça. Gosto de coisas diferentes, e roupas que me façam sentir bem e que me dê sensação que estou "bonita". Chego ao centro comercial nervosa, e não sei por onde começar (terrível!) e começo a ver coisas, mas as escolhas são sempre foleiras, e eu nem dou por isso! O pior de tudo, é a minha mãe que sabe escolher roupa para mim, muito melhor que eu! Escolhe dentro do estilo clássico, mas tem bom gosto, mas às vezes não gosto das suas escolhas...mas no outro dia estava na Zara e estava a escolher umas t-shirts e a minha mãe mostrou-me um vestido às riscas, ao inicio não gostei muito, mas tive curiosidade de o experimentar...e gostei! Para maior parte das raparigas, levar as mães às compras é um pesadelo, eu vou sempre sozinha para concentrar-me, mas acabo sempre por ficar indecisa e quando a minha mãe vê as minhas escolhas até fica assustada. Com tanta dúvida tenho sempre uma decisão: Não compro nada. Quando chego a casa, a conclusão é tipo isto: "Porque é que não vou comprar aquela saia!?!?!"

 

Fui ao Fórum Montijo comprei uns óculos nas Claire's e um colar da New yorker.

Mas roupa, nada.

Entretanto ao mexer na gaveta da maquilhagem, encontrei uma palete de batons e tinha cor-de-rosa. Experimentei e gostei!

 

 

 

 

publicado por Inêsquecível às 21:13 | comentar